Sonhos que se desfazem de manhã como se fossem pura bruma

Sonhos interrompidos Ep.03

Temporada 1
Classificação:
Livre
Direção:
Silvio Tendler
Produção:
Caliban Filmes
Lançamento:
2020
Assistir mais tarde

Descrição:

No terceiro episódio da série, mergulhamos no período pós golpe civil-militar. Onde foram parar tantos sonhos? Logo após a troca de comando do país, políticos e sindicalistas são duramente reprimidos, enquanto intelectuais ainda têm uma certa liberdade. Teatro e cinema são a válvula de escape dos primeiros anos de ditadura com movimentos como Opinião, Cinema Novo, Teatro de Arena e Grupo Oficina. Com a chegada do AI-5, em dezembro de 1968, a repressão recrudesce. A censura sufoca as artes e a imprensa. Músicos são proibidos de se apresentar, espetáculos são cancelados. Canções são mutiladas.

Censores estão dentro as redações e quando saem, deixam a marca humilhante da auto-censura. Todas as formas de luta legal estão proibidas. Parlamentares cassados buscam o exílio. A resistência se divide entre luta partidária ou luta armada. Centenas de opositores do regime se organizam em grupos armados de várias tendências, a grande maioria ainda muito jovens. Aqueles que antes eram estudantes agora comandam assaltos a bancos, lojas e carros-fortes, expropriam armas, sequestram embaixadores, montam focos rurais de resistência como o Araguaia. A vida na clandestinidade é a única opção para eles. São dizimados e barbaramente torturados em suas lutas libertárias. Os que sobrevivem têm sequelas e cicatrizes no corpo e na alma. Outros, optam por resistir através de movimentos da contracultura, como a Nuvem Cigana.

Ficha técnica

Argumento, Roteiro e Texto: Silvio Tendler
Produção Executiva: Ana Rosa Tendler Diretora
Assistente: Lilia Souza Diniz
Fotografia: Lúcio Kodato
Narração: Eduardo Tornaghi
Produção: Maycon Almeida
Assistente de Produção: Flor Castilhos Edição: Ricardo Moreira e Gustavo Veiga
Pesquisa: Alessandra Schimite, Lilia Souza Diniz e Pedro Nabuco
Coordenação de Pós-Produção: Tao Burity
Assistente de Pós-Produção: Taynara Mello
Direção de Arte e Videografismo: Renato Vilarouca e Rico Vilarouca
Trilha Sonora Original: Vinicius Junqueira e Henrique Peters Correção de
Cor: Paulo Carou
Edição de Som e Mixagem: Alexandre Jardim
Assistente de Produção Executiva: Marlise Schleimer de Souza e Mário Salles
Equipe Caliban: Felipe Netto e Carla Cavolli

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Compartilhe a produção:

Veja mais

Marcado para ver depois:

No bookmarked posts